Saúde digestiva e a importância das enzimas digestivas

folder_openAlimentação saudável, Cuidado pessoal
commentSem comentários
endometriosis

Para que a nossa saúde digestiva e o nosso sistema digestivo decomponham os alimentos em elementos mais simples, que possamos absorver, precisamos de enzimas digestivas. Estas são responsáveis por quebrar as moléculas de gordura, proteínas e/ou hidratos de carbono em moléculas menores, que podemos usar para obter a energia ou os nutrientes que precisamos.

Quando o nosso organismo não produz as enzimas necessárias, não digerimos adequadamente os alimentos, o que pode levar a problemas digestivos ou mesmo a insuficiências nutricionais. Portanto, incluir na nossa alimentação, alimentos que contenham enzimas, pode ajudar-nos a melhorar a digestão.

O que é a saúde digestiva?

A digestão é um processo que se realiza no aparelho digestivo, pelo qual o organismo decompõe os alimentos em nutrientes básicos, para serem assimilados pelo organismo.

Para ter uma boa saúde em geral é vital ter uma boa saúde digestiva.

Não temos consciência da importância de um bom funcionamento digestivo até que ocorra uma falha. Quando o sistema digestivo não funciona bem, surgem os problemas de inchaço, gases, cólicas, dor abdominal, diarreia, azia… É por isso que é muito importante cuidar da nossa alimentação, para cuidar da nossa saúde digestiva.

Se os alimentos não forem bem digeridos, o intestino não pode absorver nutrientes e isso pode afetar todo o corpo, incluindo o coração e o cérebro.

O que são as enzimas digestivas?

As enzimas digestivas são moléculas criadas pelo nosso corpo, que são responsáveis por decompor as estruturas presentes nos alimentos em moléculas mais pequenas, para que possam ser facilmente absorvidas. Por outras palavras: as enzimas são essenciais para uma boa saúde digestiva.

Existem mais de vinte enzimas digestivas e cada uma delas desempenha uma função no processo de decomposição e absorção dos alimentos. Por exemplo, as protéases, são responsáveis por decompor as proteínas; a amílase, os hidratos de carbono; lípase, a gordura; celulase, a fibra; lactase, a proteína do leite; sacarose, os açúcares…

A má alimentação ou o envelhecimento podem reduzir a produção enzimática e prejudicar o organismo.

Se sentir que depois de comer, os alimentos não se digerem e parece ter uma pedra no estômago, isso pode estar relacionado com um défice de enzimas digestivas.

Que alimentos ricos em enzimas podem beneficiar a nossa saúde digestiva?

  • ANANÁS. Bromelaína, a qual decompõe as proteínas em componentes mais básicos.
salud digestiva
O ananás promove a digestão e o trânsito intestinal.

  • PAPAIA. Papaína, é uma protéase que acima de tudo ajuda a aliviar a obstipação e os gases. É importante comê-las maduras e cruas, a exposição ao calor pode destruir as enzimas.
salud digestiva
A papaia ajuda a aliviar a obstipação e os gases

  • MANGA. Amílases, são responsáveis por decompor hidratos de carbono mais complexos, como o amido, em hidratos de carbono mais simples, como a glicose e a maltose.
  • MIEL. O mel não só tem propriedades curativas, como também é rico em enzimas digestivas. Contém amílases e protéases, bem como diástases, o que ajuda a decompor o amido em açúcares mais simples. No entanto, o mel processado é frequentemente submetido a altas temperaturas, que podem acabar por destruir enzimas, por isso é recomendado consumir mel cru, embora possa causar botulismo, pelo que as crianças não devem comê-lo.
  • ABACATE. O abacate não só é rico em gorduras saudáveis, como também contém uma enzima chamada lípase, que nos ajuda a digerir as moléculas de gordura, transformando-as em moléculas mais pequenas, que o nosso organismo pode absorver melhor.
salud digestiva
Abacate rico em gorduras saudáveis e na lípase enzimática

  • KIWI. Este fruto recomenda-se, geralmente, para facilitar a digestão, não por coincidência, mas porque é uma excelente fonte de enzimas digestivas, em particular a actinidina, que nos ajuda a digerir as proteínas e o glúten, segundo revelou um estudo realizado na Universidade de Ottago, no qual também foi apreciado que este fruto nos ajuda a reduzir os gases e alivia a obstipação, regularizando a função gastrointestinal.
  • KEFIR. O kefir é cada vez mais popular nas dietas saudáveis, pois aporta-nos bactérias benéficas. Contém diferentes enzimas digestivas, entre elas lípase, protéases e lactase. A lactase facilita a digestão da lactose, um açúcar que está presente no leite e que é muitas vezes mal digerido. Um estudo realizado na Universidade estatal de Ohio comprovou que a ingestão de kefir melhora a digestão da lactose, em pessoas com intolerância à mesma.
saude digestiva
O Kefir contém lípase, protéases e lactase, que são enzimas digestivas que facilitam a digestão

Que hábitos podem ajudar a nossa saúde digestiva?

  • Evitar alimentos gordurosos
  • Utilizar cocções como chapa, forno, grelhador ou vapor.
  • Evitar bebidas com gás
  • Mastigar lentamente
  • Evitar o pão acabado de fazer
  • Evitar o álcool e o tabaco (ambos são irritantes da parede gástrica)
  • Usar infusões de hortelã, anis, funcho…
  • Rações pequenas (assim o estômago tem tempo para processar e esvaziar)
  • Não dormir a sesta ou ir para a cama imediatamente depois de comer (assim evitaremos o refluxo)

Conselho Green Club

Começa o bom tempo, o calor e com este começam as reuniões familiares e com amigos, muitas dela à volta de um churrasco ou uma boa refeição.

Normalmente, nestes casos, comemos mais gordura e proteínas do que o habitual e além disso, ao mesmo tempo que mastigamos, falamos, e isto leva-nos ao inchaço, gases e até acidez. 

E pode ser que, o que era um bom momento, se torne num pesadelo.

O nosso produto estrela para estas ocasiões são os COMPRIMIDOS DE ANANÁS, o seu principio ativo é a BROMELAÍNA, cuja função é facilitar o processo digestivo, 2 comprimidos de ananás, à  refeição “carregada de excesso” serão os seus grandes aliados.

Também pode incluí-la no seu dia-a-dia, se, geralmente, tem digestões pesadas, tomando um comprimido ao almoço e um comprimido ao jantar.

Siga-nos no Instagram e no Facebook, para ficar a par de todas as nossas novidades e não perder nenhum conteúdo. 

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Por favor insira um endereço de email válido.
You need to agree with the terms to proceed

Menu